Cashback! Você não pode perder essa oportunidade

Publicidade

Você já ouviu fala em cashback? Cashback é um sistemas de reembolso dos gastos no cartão de crédito. Mas você sabe como funciona? Resumindo, é o reembolso de algum valor que você comprou no cartão de crédito. No entanto, normalmente você pode usar uma pequena parte para fazer novas compras ou transferir para sua conta bancária.

Publicidade

Esse método tem sido amplamente utilizado em outros países e está a cada dia ganhando mais espaço no mercado brasileiro. Porém, nem todos os cartões de crédito oferecem um sistema de devolução de dinheiro.

Para saber mais, continue lendo o artigo e aprenda imediatamente como começar a usar as compras com cartão de crédito no mês atual para receber parte do seu dinheiro de volta. Por fim, vamos citar três opções de cartão de crédito que oferecem esse serviço.

Publicidade

Entenda como funciona o sistema cashbak cartão de crédito

No reembolso do cartão de crédito, o consumidor recebe uma determinada porcentagem do valor que gastou na recompra. No entanto, o percentual do valor reembolsado varia de uma instituição para outra.

Publicidade

Além disso, os clientes ainda não podem reembolsar após fazer uma compra. P processo de resgate da recompensa varia e você deve entender como o sistema funciona no seu cartão de crédito.

Regras individuais do cashback

Os cartões com este sistema têm suas próprias regras. Em outras palavras, todos cobram taxas de anuidade pela disponibilidade desse serviço. Desta forma, esse é um ponto importante que você deve considerar ao contratar.

Portanto, não se iluda em em pensar que ganhar o cashbak é melhor que que não ganhar nada. O valor reembolsado será proporcional o valor gasto no cartão. Por isso, se você o valor da sua fatura do cartão é baixa, provavelmente não vai valer a pena. Pois, provavelmente o valor da sua mensalidade será maior que o valor que você receberá de reembolso.


De forma mais prática, esse tipo de sistema é mais vantajoso para quem paga faturas altas no cartão. Como cada empresa tem uma política de devolução de parte do dinheiro, é muito importante entender as regras. Isso tornará mais fácil para você realizar cálculos matemáticos e verificar se o sistema de devolução de dinheiro do cartão de crédito vale a pena pra você.

Nunca aumente o consumo, apenas para ganhar mais dinheiro

O importante é que você analise cuidadosamente seus gastos e nunca aumente seu consumo porque tem que recuperar mais dinheiro. Os cartões de crédito são uma das razões que mais “destroem” a vida financeira das pessoas.

Descubra 3 opções bancárias que fornecem sistema Cashbak de cartão de crédito

Abaixo vamos fazer citar três opções de produtos oferecidos no mercado. Confira:

  • A porcentagem de Trigg-Cashback depende do seu gasto mensal. Por exemplo, para quem gasta até R$ 1.000,00, o percentual de reembolso é de 0,55% e passa a 0,70% entre R$ 1.000,00 e R$ 2.000,00. Por fim, para usuários que gastam mais de R$ 5.000,00 por mês, até 1,3%. Anuidade: Valor fixo de R$ 9,90 mensais para ter o cartão. Vale a pena? Só se você gastar mais de R$ 1.400,00 por mês, pois só assim você terá o valor da anuidade devolvido.
  • O Nubank-Rewards permite que você opte por “apagar” gastos na fatura. O programa irá gerar pontos (o ponto a cada real gasto). Com esses pontos o cliente pode optar por excluir da fatura alguns gastos classificados como restaurante, farmácia, supermercado, Netflix, Ifood, Uber… Anuidade: A mensalidade é de R $ 19,00, ou seja, R $ 190,00 por ano. Vale a pena? Se você gastar mais de R $ 1.600,00 por mês, tem retorno porque suas vantagens superam o preço da assinatura.
  • Cartão Itaú Ipiranga – Você pode recuperar 3,5% do valor gasto no posto Ipiranga, além disso, também pode receber 1% com os bens adquiridos fora da rede. Outra vantagem é o desconto de 5% no abastecimento de tanques pelo aplicativo Abastece Aí. Da mesma forma, as pessoas com este cartão não pagarão a mensalidade da Conectar durante dois anos. Anuidade: R$ 30,00 por mês, ou R$ 360,00 por ano. Vale a pena? Se você gasta mais de R $ 3.000,00 por mês fora da rede Ipiranga e tem 1% de dinheiro de volta, vale a pena. Porém, quem usa o cartão na rede Ipiranga passa a ter uma vantagem a partir do gasto mensal de R$ 857,00, ou seja, com 3,5% de retorno à vista. Este é o valor mínimo em dinheiro de volta para cobrir o custo da anuidade.

Esses artigos também podem te interessar:

Leia também