Como solicitar o cartão Uniprime Black

Publicidade

Veja abaixo mais detalhes sobre o cartão Uniprime Black:

Publicidade

Desvantagens do cartão Uniprime Black

O cartão possui algumas desvantagens, que é importante você conhecer antes de solicitar.

O primeiro ponto que merece destaque é o fato de o cartão Uniprime Black ser limitado para os estados do Paraná e de São Paulo. Além disso, apenas cooperados da Uniprime podem fazer a solicitação.

Outro ponto negativo é que ele possui cobrança de 5% de spread para as compras realizadas em outros países. Esse valor está um pouco acima dos outros bancos do mercado.

Publicidade

Por fim, uma outra desvantagem do cartão é o fato de haver cobrança de tarifa de anuidade.

Quais serviços o cartão Uniprime Black oferece?

Clientes com esse cartão conseguem realizar compras no débito, no crédito, nacionais e internacionais, acessar a fatura digital, fazer saques de emergência no Brasil e no exterior, participar dos benefícios Mastercard Black e acumular pontos.

Publicidade

Veja como funciona a anuidade e as taxas do cartão Uniprime Black

Confira as taxas e tarifas do cartão:

Anuidade

A anuidade é de 12 vezes de R$60,00.

Taxas

Além da anuidade, o cartão possui taxa de 5,99% ao mês para parcelamento da fatura, juros do rotativo de *% a.m., multa por atraso de 2% em cima do valor e mais 1% de juros.

Assim como taxa de R$6,50 para saques no Brasil e de R$7,50 para saques no exterior, e cobrança de R$5,00 para a solicitação da segunda via do cartão.

Mas recomendamos dar uma olhada na tabela de tarifas completa do cartão antes de solicitar o seu.

Consulta SPC/Serasa

A aprovação do cartão está sujeita a uma análise de crédito, com consulta ao SPC e Serasa.

Passo a passo para solicitar o cartão Uniprime Black

O processo de solicitação do cartão também não é um dos seus pontos fortes. Na verdade, esse processo é bem burocrático, e existem vários requisitos para que o cliente esteja apto a ter um.

Para fazer a solicitação, é necessário ser residente das cidades que são contempladas pela cooperativa, localizadas em São Paulo e no Paraná. Além de ser residente, é requisito ser cooperado da Uniprime.

Desse modo, se você quiser se tornar um associado do Uniprime, terá que abrir uma conta com um aporte de, no mínimo, 1.000 reais.

Mas os clientes que tiverem uma renda mensal mínima de R$12.000,00 já estão elegíveis para fazer a solicitação do cartão.

A solicitação do cartão deve ser feita pessoalmente, pelo próprio cooperado, em uma das bases do Uniprime. Uma análise de crédito e de perfil será feita de forma muito rigorosa. E, se tudo der certo, o seu cartão será liberado!

Publicidade

Enfim, para conferir mais detalhes sobre o Uniprime Black, é importante que você acesse o site oficial do cartão.

Conclusão

Bom! Após ler essa análise completa do Uniprime Black, você pode estar na dúvida se esse cartão realmente vale a pena.

Não podemos negar que o Uniprime Black oferece uma série de vantagens bem interessantes para os seus usuários. Assim como todo o serviço de qualidade que a Uniprime presta, com reconhecimento em todo o mercado.

O cartão possui todas as funcionalidades básicas de um cartão de crédito, e inova ao colocar a função débito e programa de benefícios, focando não apenas em viagens, como a maioria dos seus concorrentes, mas em economia para o dia a dia dos clientes também.

Portanto, mesmo sendo um cartão com baixa acessibilidade e taxa de anuidade, o Uniprime Black é uma opção bem legal de cartão de crédito com benefícios Black, e foco para além de viagens também.

Principalmente pelo fato de que a sua anuidade está bem abaixo dos valores dos demais cartões do mesmo nível.