Imposto de Renda 2024: saiba como economizar no pagamento

Está procurando as melhores dicas para se preparar e conseguir economizar mais no Imposto de Renda (IR) em 2024? Se sim, você chegou ao conteúdo certo!

Publicidade

O cenário tributário brasileiro está sempre em constante evolução e o Imposto de Renda 2024 traz consigo mudanças muito importantes, que possuem o poder de impactar diretamente a vida dos contribuintes.

Publicidade

Em meio a essas transformações, uma das mudanças que mais está chamando a atenção é a ampliação da faixa de isenção, que trará um alívio especialmente para quem possui rendimentos de até R$ 2.640,00.

Publicidade

Pensando em trazer dicas e informações úteis para quem vai declarar o Imposto de Renda agora em 2024, preparamos esse conteúdo com tudo o que você precisa saber e algumas estratégias para economizar ainda mais na declaração deste ano.

Publicidade

Enfim, continue acompanhando para conferir todos os detalhes e se preparar da melhor forma!

O que é a Declaração de Imposto de Renda?

A Declaração de Imposto de Renda é um documento obrigatório no Brasil, onde os contribuintes devem informar para a Receita Federal todos os mínimos detalhes sobre os seus ganhos, as suas despesas e seu patrimônio ao longo do ano anterior.

Esse processo é feito de forma anual e tem como principal objetivo, conseguir calcular o valor devido ou então a restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF).

A declaração pode ser feita de forma totalmente online e o contribuinte precisa apenas reunir alguns documentos úteis, como comprovantes de renda, despesas dedutíveis, informações sobre dependentes, etc.

No final, a declaração permite que a Receita Federal avalie se o contribuinte pagou o imposto devido ou se tem direito a restituição. 

Além disso, a análise da declaração também tem um grande impacto na identificação de irregularidades, trabalhando contra a sonegação fiscal.

Principais mudanças para o Imposto de Renda em 2024

As mudanças no Imposto de Renda para o ano de 2024 trazem alguns ajustes muito importantes nas regras. Bem como nos benefícios fiscais para os contribuintes brasileiros.

Dentre as principais alterações, uma das mais importantes é a ampliação da faixa de isenção do Imposto de Renda. A partir desse ano, contribuintes que ganham até R$ 2.640,00 estão isentos do pagamento do tributo.

Publicidade

Essa medida foi estabelecida para tentar, de certa forma, ajudar a aliviar a carga tributária para os brasileiros que possuem uma renda mais baixa.

Além disso, vale a pena destacar a introdução da dedução simplificada mensal de R$ 528,00 na fonte. 

Aliás, essa dedução funciona em conjunto com a ampliação da faixa de isenção, proporcionando um alívio adicional para os contribuintes dentro dessa faixa de renda.

Dicas para economizar no pagamento do Imposto de Renda em 2024

Economizar no pagamento do Imposto de Renda é uma preocupação constante para muitos contribuintes, não é mesmo? E se você chegou até aqui, provavelmente também está na busca das melhores dicas.

Por isso, separamos aqui algumas dicas muito práticas e úteis que podem te ajudar a otimizar a sua declaração e reduzir a carga tributária. Confira!

Dedução simplificada

Avalie se a dedução simplificada é mais vantajosa para a sua situação. 

Em alguns casos, optar por essa dedução fixa pode ser mais prático e ainda levar a economia de impostos, principalmente para quem tem uma renda mais baixa.

Dependentes

Quando você declara os seus dependentes no seu Imposto de Renda é possível economizar um pouco mais. 

Inclua as informações sobre cônjuges, filhos, enteados, irmãos, netos, pais e avós, mas não se esqueça de dar uma olhada nas condições específicas de cada categoria. 

Há um valor máximo que podemos deduzir por dependente na base de cálculo do imposto. Contudo, já é uma economia que podemos alcançar.

Despesas médicas

Reúna todos os comprovantes de despesas médicas, como consultas médicas, exames, planos de saúde e se certifique de incluir tudo na declaração.

Despesas com educação

Explore todas as possibilidades de dedução com despesas educacionais. 

Você pode incluir gastos com creches, pré-escolas, ensino fundamental, médio, superior, graduação e pós-graduação.

Previdência Privada

Se você possui uma previdência privada do tipo PGBL, é possível deduzir as contribuições do Imposto de Renda, com limite de 12% do rendimento tributável. 

Isso pode ser uma estratégia bastante interessante para quem busca economizar no pagamento de impostos.

Planos de previdência empresariais

Alguns planos de previdência oferecidos por empresas também podem ser dedutíveis. 

Por isso, verifique se a empresa onde você trabalha oferece esse benefício, e se você pode usá-lo para reduzir o imposto.

Pensão alimentícia

Se você paga pensão alimentícia e uma decisão judicial, acordo homologado ou escritura pública, já estabeleceu o pagamento, inclua esses valores na declaração, pois eles também podem ser deduzidos.

Fique atento ao prazo de entrega

Evite atrasos na entrega da declaração, pois isso pode levar à cobrança de multas. 

O ideal é que você consiga se planejar para reunir todos os documentos necessários e submeter a declaração dentro do prazo estabelecido pela Receita Federal.

Busque orientação profissional

Consultar um contador ou especialista em tributação pode ser uma decisão estratégica quando falamos em Imposto de Renda. 

Afinal, esses profissionais conseguem fornecer uma orientação personalizada e ajudar a identificar oportunidades de economia de impostos específicas para o seu caso.

Se você aplicar essas dicas na hora de fazer a sua declaração de Imposto de Renda, será possível maximizar ainda mais as suas oportunidades de economizar no pagamento. 

Publicidade

Bem como garantir que você estará pagando/recebendo pelo que realmente faz sentido para a sua realidade.

Ah! E aqui fica uma dica extra muito importante que vai te ajudar na hora de preencher a declaração: mantenha todos os seus documentos comprobatórios organizados para facilitar o processo.

Além disso, se for necessário, não hesite em buscar orientação profissional para garantir uma maior conformidade com as normas fiscais vigentes, principalmente se a sua vida financeira é muito complexa.

Quando deve ser feita a declaração do Imposto de Renda em 2024?

O prazo para o envio da declaração do Imposto de Renda de 2024 começa no dia 15 de março e se encerra no dia 31 de maio de 2024.

Agora você se sente mais preparado para enfrentar mais um ano de Imposto de Renda com as nossas dicas?

Se você conhece mais alguma estratégia que pode ajudar a diminuir o pagamento dos impostos, então, não deixe de compartilhar com a gente!

Leia também