Financiamento de carro: Conheça os 3 tipos mais populares

Publicidade

Financiamento de carro. Neste artigo, vamos te ajudar com as informações necessárias, para que você saiba qual plano escolher, e qual está mais ajustado ao seu objetivo.

Publicidade

O financiamento de carro é uma das melhores formas de se tornar proprietário de um veículo no Brasil e encaixar o valor da compra em sua renda mensal. Entretanto, é necessário fazer um bom planejamento para não causar danos à renda familiar.

Publicidade

Atualmente, é muito fácil fazer um financiamento de veículo e até mesmo sem sair de casa você consegue.

Confira mais detalhes a seguir.

O que é um financiamento de carro?

Estima-se que mais de seis milhões de carros são financiados no Brasil por ano. Estes dados são da Bolsa de Valores e correspondem aos anos de 2018 a 2020.

Portanto, é um dos métodos mais populares de adquirir um veículo.

Em suma, financiar um veículo consiste em comprar um produto com pagamentos em parcelas.

Na prática, uma instituição financeira compra o carro para você e você a paga em parcelas acrescidas de juros. Além disso, o veículo é seu apenas quando finalizar o pagamento.

Ainda, podem ser financiados veículos novos e usados em parcelas que vão até 60 meses. Os pagamentos só pode comprometer até 30% do seu salário ou não será aprovado.

Tipos de financiamento de veículos

No mercado são aplicados alguns financiamentos. De maneira geral, esses são os formatos mais populares no mercado e praticados por instituições financeiras:

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

Este é um dos modelos mais aplicados por bancos. Nesse caso, consiste na instituição financeira ser dona do veículo até o final do pagamento.

Como o banco é o proprietário e é considerado uma forma segura de intermediar uma transação financeira, já que ele pode apreender e vender em caso de não pagamento, os juros são menores e mais convidativos.

Leasing

Neste formato de negociação, o cliente compra o bem, pega um empréstimo e paga em parcelas.

O vendedor recebe de forma integral o valor da venda. Entretanto, o comprador é o proprietário desde o início e, por isso, os juros são mais altos. Para garantia, fica apenas um fiador no contrato.

Consórcio

O consórcio também é muito popular no mercado. Temos aqui a participação em grupos com pagamentos em parcelas. Desse modo, cada membro tem um número de inscrição e, quando for sorteado, ganha o valor integral da carta.

O diferencial desse financiamento de veículo é comprar um carro com apenas uma parcela se for sorteado primeiro, por exemplo. Outro ponto destacado por membros como positivo é ter parcelas mais baixas e juros mais em conta.

Taxa de juros de financiamento de carros

A taxa de juros financiamento carros 2021 varia de acordo com o financiamento e a quantidade de parcelas. Por exemplo, se você quiser comprar um carro custando R$ 100 mil a uma taxa de juros de 10%, deve pagar R$ 110 mil ao final.

Quanto mais tempo você ficar pagando, maiores são as taxas. Entretanto, em muitos casos é o que você pode pagar em seu orçamento mensal.

De modo geral, os números das taxas praticadas no mercado vão de 15% a 19% de juros ao ano.

Em 2021, um dos bancos a praticar taxas mais acessíveis foi o Banco do Brasil, uma instituição financeira de capital público e privado. Já a Caixa Econômica Federal, totalmente pública, foi o banco a cobrar a taxa de juros de financiamento mais elevada. Os demais ficam em torno dos valores acima citados.

Como fazer um financiamento passo a passo

O primeiro passo é procurar um banco ou financeira de sua confiança e realizar a solicitação do seu financiamento. Desta forma, você já se informa se terá um cadastro aprovado e se pode buscar um carro para chamar de seu.

O próximo passo é encontrar o veículo. A maior parte das concessionárias aceita financiar carros e até oferecem parcerias com financeiras de sua confiança (com benefícios para elas, claro).

Há ainda a possibilidade de conversar com proprietários e financiar diretamente com eles. Afinal, eles recebem à vista e a forma de pagamento não influencia a venda do veículo.

Encontrado o carro ou o vendedor, a última etapa é assinar o contrato com o banco ou com a financeira e pagar as parcelas pelo período programado.

Posso financiar carro usado?

Cada financiadora possui uma idade limite para carros usados. O Banco do Brasil, por exemplo, aceita financiar carros com até 10 anos no mercado a contar de sua data de fabricação.

Assim, essa data limite dos veículos proíbe que carros muito velhos não sejam financiados porque não possuem valor de mercado em caso de apreensão. Portanto, uma segurança para o banco.

Como simular financiamento de veículo online

Muitos sites oferecem a opção de simular financiamento. A ideia aqui é saber quanto custará cada parcela de acordo com o valor do veículo, quais as opções de taxas de juros e se vale a pena assinar o contrato.

São exemplos de sites os quais permitem simular financiamento veículos:

  •   Icarros: www.icarros.com.br
  •   BV Financeira: www.bv.com.br
  •   Banco Bradesco: banco.bradesco

Em nenhum dos sites informados acima é preciso ser cliente da empresa para realizar a simulação.

Entretanto, você precisa saber o básico sobre o veículo, ou seja, o modelo, o ano e o valor comercializado. Caso saiba o valor real, melhor ainda. Se não tiver, você pode consultar a tabela FIPE.

Por fim, analise a quantidade de parcelas e note que, ao simular, quanto menos parcelas você se propor a pagar, menores são os juros.

Financiar carro vale a pena?

Atualmente, o financiamento é considerado uma das formas mais simples e seguras de comprar um carro. O ideal mesmo é pagar à vista para obter bons descontos e abatimentos.

Contudo, se não dá para pagar, vale a pena financiar carro.

Portanto, analise as taxas de juros com cautela. Apesar de a média ficar em torno de 19%, há práticas abusivas no mercado.

Além disso, diversas vezes o comprador paga o valor total de dois carros e, com certeza, não vale a pena. Atente-se para esse detalhe antes de finalizar o seu contrato e assinar o documento.

Conclusão

Desde que o veículo esteja em bom estado e você tenha planejamento financeiro para quitar a dívida, o financiamento de carro é uma prática segura e interessante.

Portanto, é uma forma de pagar um carro sem comprometer grande parte do seu orçamento.

Assim, vale destacar que financiamentos só são interessantes se ainda tiver espaço no orçamento para pagar dívidas mensais. 

Enfim, quer conhecer outros tipos de financiamento? Confira aqui!

 

Leia também